quarta-feira, 10 de setembro de 2014

MUÇULMANOS DO MUNDO UNI-VOS

Fui perguntado sobre o que achava sobre o ISIS, o Estado Islamico do Iraque e Levante, se eles eram realmente sunitas, depois de Deus permitir farei uma questão maior sobre eles.
Vamos ser rápidos e concretos: sim os combatentes do ISIS são sim sunitas e muçulmanos. Agora podemos aprofundar bastante sobre quem são esses muçulmanos? O ISIS é um grupo que busca e conseguiu restaurar um Khalifado em grande parte do Iraque e Síria. O ISIS que se tornou uma força com ajuda dos Estados Unidos, já que os americanos queriam acabar de qualquer forma com o governo de Assad na Síria mesmo que para isso tivesse que dar forças ao que chama de terrorismo. Com ajuda do governo americano o ISIS conseguia ganhar territórios na Síria, como o Iraque (não de hoje e desde a queda de Sadam se tornou um Estado falido, o governo central não tem nenhum poder ou autoridade em certas áreas do pais. O governo em questão xiita, colocado no poder pelos americanos é um governo que separou ainda mais as parcelas da população xiita, sunita e curda. Os sunitas fortemente oprimidos (antes com o Sadam eles tinham o poder) foram juntando esse sentimento de revolta, ate que com o ISIS tiveram a chance de sair da situação que estavam colocados.O ISIS digamos aumentou ainda com a guerra na Síria o ódio entre sunitas e xiitas.
A tatica americana é clara, desenvolver o terrorismo e depois combate-lo, saindo assim como grupo defensor da democracia mundial. Os USA utilizam o Iraque, Síria, Afeganistão como áreas de guerras constantes onde não existe a tão sonhada igualdade, nem um poder que possa acabar com os conflitos. Lutando os muçulmanos não conseguem se desenvolverem, vem a cultura ser destruída, suas famílias, e deixam as riquezas do Oriente aos pés americanos e sionistas. Essa é a política americana para ser breve e claro.
Como muçulmano devemos ser a favor do Khalifado, sendo que não um Khalifado que segrega que impõe suas Leis. Mas um Khalifado que seja abençoado por Deus, e escolhido pelos muçulmanos do mundo. Um que vença as armas inimigas, não causando mais guerras, mais vença a guerra com a paz. Siga os ensinamentos de Muhammad, mas que por estamos em 2014 deva saber que vivemos em mundo integrado e não mas em sociedades tribais. Desenvolver a igualdade, a fé, e a liberdade através do Amor por Deus, a espada não deve servir para desenvolver esses três atributos e sim para defende-los quando atacados.

Caliphate: A map purportedly showing the areas ISIS plans to have under its control within five years has been widely shared online. As well as the Middle East, North Africa and large areas of Asia, it also reveals ISIS' ambition to extend into Europe. Spain, which was Muslim-ruled until the late 15th Century, would form part of the caliphate, as would the Balkan states and eastern Europe, up to and including Austria

47 comentários:

  1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  6. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  7. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  8. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

      Excluir
    2. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

      Excluir
    3. vocês é que vem até aqui ofender a minha religião seus hipócritas
      você diz que o meu Deus é um inútil ? onde esta o respeito aqui ?
      o cristianismo também matou muito nas cruzadas, guerras, na inquisição cristã católica romana, agora eu só queria saber o que vocês fazem aqui afinal ?

      Excluir
    4. As cruzadas foram um tempo muito parecido com o de agora. Cristãos e muçulmanos 'conviviam' em paz, até que os 'moderados' começaram a ceder aos radicais (como sempre, a maioria é impotente) e somente então, cristão defenderam sua existência e cosmovisão. Inquisição foi mais um ato político do que religioso, catolicismo é uma religião monárquica e os cristãos não queriam mais que um governasse sobre todos, pois já podiam ler a Bíblia em sua língua nativa por causa dos reformadores, então ao invés de se adaptar aos tempos como a monarquia secular britânica, eles partiram para a guerra, e como todos que usam da violência para alcançar um fim, perderam e foram obrigados a reformular a política eclesiástica através do concílio de Trento. Apenas 3 ou 4 'doutrinas' foram recuperadas após o catolicismo ter se corrompido com Roma, dando início ao Sola Scriptura. Eu não disse que seu deus é inútil, eu disse que se ele precisa de ajuda para acabar com os inimigos, então ele não pode ser o Todo-Poderoso, portanto, sem utilidade, mas por causa das preposições embutidas, mesmo que eu as explique, você ainda achará isso...

      Excluir
  9. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  10. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

      Excluir
    2. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

      Excluir
  11. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  12. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

      Excluir
    2. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

      Excluir
    3. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

      Excluir
  13. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

      Excluir
    2. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

      Excluir
    3. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

      Excluir
  14. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

      Excluir
  15. Olá.

    Você falou um monte de coisas, mas não ficou claro qual é sua opinião sobre o ISIS ou melhor Estado Islâmico.


    Independente do que os EUA tenham feito ou façam naquela região, me diga você como Muçulmano não repudia, nem toca no assunto aliás, sobre a covardia daqueles carniceiros do ISIS. Decapitação de pessoas inocentes, estupros e inclusive não poupam nem as crianças dessas mesmas atrocidades. Obrigam a conversão ao Islã sob pena de morte ou pagar taxas.
    Então isso é parte do Islã?
    Me responda.

    É isso o Islã? É um fato que o Alcorão o livro sagrado de vocês endossa o estupro, a pedofilia (casamento e a consumação sexual aos 9 anos de idade em diante), e a morte ao não Islamitas ou no máximo uma vida subjugada a humilhação e pagamento de taxas ao Islã?
    Diga por favor que isso é difamação...

    Quero deixar bem claro que se aquilo que o ISIS ou Estado Islâmico tem feito no Iraque/Siria representa o Islã, se aquilo ali é parte do Islã autentico, se é santificado no Alcorão ou mesmo minimamente tolerado pelo Islã... que religião demoníaca é esta! Claro que se eu estiver errado nessa conclusão me desculpem.
    Digam que estou errado por favor.

    Embora não creia nas doutrinas do Islã estou muito desapontado de imaginar que isso possa fazer parte dessa religião.
    Espero estar errado.

    De qualquer forma desejo aos infames carniceiros do ISIS e seus apoiadores morais um merecido fim se afogando no próprio sangue. Esses covardes fanfarrões vão pagar caro. Os corações deles derreterão plenos de terror quando o Rei de toda terra fizer um acerto de contas com todas as nações.
    E isso não será por meio de exercito humano, nem os EUA e aliados, nem a Rússia nem a China...

    Aqueles dentre os muçulmanos que desejam paz, também desejo paz.

    Mas àqueles que buscam encharcar a terra de sangue, jamais tenham dúvida, vocês nunca irão ser o novo poder dominante na terra.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O primeiro comentário decente que leio aqui. Meu caro desculpe se não fui claro sobre minha opinião sobre o ISIS, tentei através do texto demonstrar que o problema não é somente religioso. É toda uma conjuntura histórica, que atua no mundo atual e se reflete no Iraque e na Síria. Para entender o ISIS e as guerras que acontecem lá, é necessário entender a historia recente do imperialismo e colonialismo, as ideias americanas e o estado de anarquia social que atua sobre o Iraque. Afinal o Iraque não existe mais, o Iraque é um Estado falido, é um não Estado e isso da espaço para lutas internas que tentam assumir o poder usando a religião como meio. A culpa não é da religião, a religião esta sendo usada por fazer parte dos meios sociais em questão. Repudio como disse toda forma de tentar restaurar o khalifado pela violência, repudio a violencia civil, repudio o sangue derramado. Louvo a Deus, e não aos homens que dizem o seguir. Guerras não vencem Guerras, Guerras só trazem Guerras. Paz vence a Guerra. Uma Guerra pode ser vencida com 7. 000 soldados, mas a paz não será construidas com esses soldados. O ISIS é reflexo da destruição recente do Iraque pelas mãos do Imperialismo, temo que o Islam seja destruído e consumido pelo ódio.

      Excluir
    2. os Estados Unidos que são os maiores assassinos terroristas é cavardes. invadiram o Iraque em 2003 destruíram uma nação mataram milhares de civis Iraquianos inocentes. hoje o Iraque vive na desordem mergulhado na anarquia. é claro que o islã não apoia a violência...

      Excluir
    3. Concordo que é uma conjuntura histórica, pois o que eles fazem, está de acordo com as crenças do Islã, não sejam hipócritas. A jihad é válida? a sharia é válida? o califado é válido? os muçulmanos apoiam eles? então como condenar o ISIS? eles estão sendo apenas sinceros em suas crenças. Não existe possibilidade de aplicá-los em 'conjuntura' sem violência, mas teimam em dizer que sim... cansei disso já, estou abandonando o Islã e a crença em Deus.

      PS: não fui eu o que perguntei acima...

      Excluir
    4. Nossa se você estiver abandonando o Islam por causa disso, me desculpe mas chega a ser ridículo.Na verdade pelas suas palavras mas parece que é um não muçulmano tentando se passar por muçulmano para dizer q o Islam é isso e aquilo, e blá blá blá, voce não falou nada com nada. Meu caro a Jihad é valida, a Sharia é valida, o Califado é valido. Sendo que para ser feito a Jihad é necessario compreender o que ela é. O que é a Sharia e como ela é aplicada, e como o Califado se ergue. Sem essas noções fica tudo resumido a derramar de sangue inocente. O ISIS surgiu de acordo com as estruturas do Iraque que se relacionam com tudo a volta, a destruição sistemática do país pelas forças imperialistas. A só para voce saber, ao mesmo tempo que os USA bombardeiam o ISIS no Iraque, os entrega armas para combater na Siria? afinal o ISIS é o que? Nem tudo é tão simples, apenas parece

      Excluir
    5. Me dê um exemplo de aplicação da jihad, sharia e o levantar de um califado sem o derramamento de sangue. Sim, me reverti em 2011 e é claro que estou o deixando por outros motivos, mas não irei difamar a mesquita onde frequentava...

      Excluir
    6. Meu caro farei logo textos breves tratando desses assuntos, Sharia, Jihad, e Khalifado. Sobre derramamento de sangue, é necessario saber que a espada não deve ser a primeira opção, mas quando atacados ela deve servir como um instrumento de defesa e não de ataque. O sangue em toda revoluções do mundo foi derramado, o fato é que o sangue de inocentes tem sendo derramado em vão, num banho sem sentido (claro q com sentido para os poderosos) que escorre sobre a terra. E os muçulmano vem sendo autores de barbáries indescritíveis e acham q fazem isso pelo Islam... O Islam não é sangue, não se escreveu com sangue, ou os muçulmanos se unem contra o imparialismo ou se auto destruem, infelizmente a ultima opção parece q vem sendo escolhida. Sobre sua ida a mesquita, é dificílimo ser convertido no Brasil, muitos Sheiks não ajudam em nada, e se acham donos da verdade, paciência e calma, o Islam não é aquilo que o Sheikh diz, mas sim a forma que Allah (swt) fala no coração de cada fiel.

      Excluir
  16. Um amigo me deu uma nova perspectiva no facebook, apesar de ser um pouco contra: Ibadi. Vou tentar conhecê-lo. Salaam...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim é valido, eu pessoalmente discordo com algumas crenças políticas e teológicas com o movimento ibadi, mas é interessante conhecer algumas interpretações diferentes. Aleikum Salam irmão, caso queira pode entrar em contato comigo, deixando seu e-mail aqui. Aprofunde seus estudos sempre mais. Buscai conhecimento mesmo que tenha que ir para a China, ja disse o Profeta (saws)

      Excluir
  17. irmãos vamos apoiar o Boko Haram, vamos criar um califado islamico na Africa
    Allah Akbar...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu caro. O Boko Haram não é nada mais do que um grupo terrorista. Que impor suas leis para conseguir o domínio político naquela região. Usam o Islam como forma de conseguir isto. Ele não deve ser apoiado e sim combatido. Recomendo que tenha uma lida na historia dos Califados e de toda era de ouro islâmica, não uma visão romantica de que todo grupo dito islamico e que quer impor um califado é um grupo que é bom para os povos desta região ou para o Islam. Assalamu aleikum

      Excluir
    2. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

      Excluir
  18. irmão o Boko Haram condena a cultura Ocidental. por que não apoiarmos o Boko Haram ???

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Porque são assassinos que matam, vendem mulheres e crianças. Não é o fato de serem muçulmanos que os fazem melhor que outros. São assassinos que destroem cidades inteiras, e matam cada vez mais.

      Excluir
  19. Allah Akbar. que Allah o misericordioso. o soberano do dia do juízo final proteja todos os nossos irmãos do Boko Haram. que Allah proteja os nossos irmãos da Nigéria é destrua todos os inimigos do islã. Allah Akbar...

    ResponderExcluir
  20. a cultura Ocidental é podre
    nos devemos apoiar o estado islâmico
    Allah Akbar...

    ResponderExcluir
  21. Olá sou Deísta, e venho estudando frequentemente a religião islâmica, como já estudei outra tantas. E no meu ver ela se baseia praticamente nas leis do Torá, que foi passado a Moisés por intermédio de Deus. Gostaria que você me explicasse qual a principal diferença entre o islã e o judaísmo, pois ambos acreditam no mesmo Deus.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nas mesmas leis do Torá*

      Excluir
  22. VOCÊS NUNCA VÃO SER A MAIORIA AQUI NO BRASIL.

    ResponderExcluir